Cultura - Teatro - Brasília-DF - Dia das Bruxas com Teatro e Terror na Funarte Brasília

MOSTRA MONSTRA NA FUNARTE – Outubro com Teatro e Terror!










De 26 de outubro a 06 de novembro o Teatro Plínio Marcos, da Funarte Brasília, receberá uma mostra teatral com clima de suspense, terror e diversão. O projeto realizado numa parceria entre a Guinada Produções e o Grupo Novos Candangos traz quatro espetáculos de sucesso da cidade com grupos convidados, apresentando diferentes (e curiosas) linhas de trabalho cênico.

A Mostra Monstra visa implementar na cidade uma maneira diferente de se comemorar o Dia das Bruxas, propondo uma celebração teatral nos palcos da cidade, reafirmando a força, a ousadia e a veia produtora dos artistas da capital federal num evento que oferecerá ao público oficinas teatrais gratuitas e espetáculos de teatro de qualidade com importantes grupos do DF: Trupe Argonautas, Cia. de Comédia SeteBelos, Grupo Depois das Cinco e, claro, o Grupo Novos Candangos.

Confira a programação:

“TERROR – A COMÉDIA”, Cia. de Comédia Setebelos
27 e 28 de outubro (21h)
Teatro Plínio Marcos
Classificação: 12 anos
Ingressos: 15,00 (meia entrada)

A peça de sucesso de um dos principais representantes da comédia no DF é baseada nas séries clássicas de horror, com famosas personagens do mundo fantasmagórico apresentadas de uma maneira pra lá de divertida. Assumidamente representante do gênero “Terrir” – o terror que faz rir -, a obra mostra um cientista maluco que dá vida ao horripilante Frankestein, atraindo para uma mansão assombrada outras personagens famosas, como o Conde Drácula, Esqueleto e o Fantasma. A peça ficou famosa por ser a primeira comédia do Brasil a ter som de cinema em teatro, garantindo efeitos sonoros que valorizam ainda mais o trabalho dos atores e a reação da plateia. Cuidado para não morrer... de rir!

Texto e Direção: Cia de Comédia Setebelos
Elenco: Daniel Lima, Daniel Villas Bôas, Leônidas Fontes, Lucas Moll e Paulo Mansur e Saulo Pinheiro.
Produção: Guinada Produções (Guilherme Angelim)
Iluminação: Raoni Machado
Figurino: Cyntia Carla
Duração: 75 minutos


“PARADOXO ZUMBI”, da Trupe de Argonautas”
29 de outubro e 02 de novembro (21h)
30 de outubro (20h)
Teatro Plinio Marcos
Classificação: 18 anos
Ingressos: 10,00 (meia entrada)

A trama do espetáculo se passa em um futuro pós-apocalíptico onde a humanidade foi assolada por uma praga zumbi que dizimou boa parte da população. A obra une técnicas circenses e dança, tudo isso mediado pela linguagem teatral, que amarra a dramaturgia. O grupo propõe ao público um olhar diferente sobre o mundo, através de experiências sensoriais que estimulam todos os sentidos e de alguns questionamentos... Ser ou ter? Viver ou sobreviver? Prepare-se... Os Argonautas vão mexer com você!

Direção: Cyntia Carla e Abaetê Quiroz
Elenco: Alexandre Adas, Cyntia Carla, Lívia Bennet, Luciano Czar, Isabela Bianor, Marley Medeiros e Pedro Martins.
Direção Coreográfica: Lívia Bennet
Preparadora Circense: Ana Sofia Lamas
Cenografia e Figurino: Luênia Guedes
Produção: Inova Roda Produções Artísticas e Culturais e Georgia Rafaela
Trilha Sonora: Munha da 7
Preparação Vocal: Cesar Lignelli
Iluminação: Marcelo Augusto
Maquiadores: Luênia Guedes, Luciano Czar, Isabela Bianor, Iasmim Kali, Júlia Gunesh
Técnico de segurança: Daniel Lacourt
Operador de Som: Bruno Gurgel
Fotografias de Divulgação: Rodrigo Carletti
Registro Fotográfico: Sartoryi Sartoryi
Artes Gráficas: Ilha Design
Web Designer: Mariana Camargo
Duração: 75 min


“BANDA TUMBA LA CATUMBA”, do Grupo Depois das Cinco
02 de novembro (17h)
Teatro Plinio Marcos
Classificação: Livre
Ingressos: 15,00 (meia entrada)

A Banda Tumba La Catumba desenvolve há seis anos um trabalho voltado para o público infantil, levando uma mistura de ritmos para as crianças, com forte influência do rock, mas passando por ritmos como o coco, a ciranda, o frevo, o rap e o funk. A banda tem uma proposta cênico musical, onde seus integrantes representam personagens de terror. No espetáculo-show, além de músicas autorais e arranjos especiais de domínio público, há contação de histórias e brincadeiras musicais.

Voz, Violão e Guitarra: Kaká Taciano
Voz, Percussão: Anna França
Voz, Violão 7 Cordas e Contrabaixo: Rogério Almeida
Bateria: Flávio Leão
Voz, Guitarrista Solo: Gabriel Lourenço
Duração: 60 min

DJ CHIQUIN (junto com a programação da Banda Tumba La Catumba)
02 de novembro (16h)

Chico gosta de música. E qual criança não gosta né?
Quando viu Yellow Submarine com 4 anos, ficou deslumbrado. Algo mexeu com ele, o som mágico, as cores fortes, enfim, ele pirou! Queria todos os álbuns dos Beatles no aniversário de 7 anos. O garoto de 12 anos cresceu vendo o pai dj e a mãe cantora e isso acabou influenciando seu gosto pela música. Apertou o play em algumas festinhas de amigos da escola e se divertiu muito! Recebeu seu primeiro convite oficial para tocar na Vila de São Jorge, Chapada dos Veadeiros em 2014.

Chiquin (nome escolhido por ele pra assumir as carrapetas) adora fazer uma galerinha esperta dançar, pular e quicar na pista de dança! A sua playlist conta com hits das fms brasileiras, desde pop, rock, clássicos infantis atuais e antigos, rap, hip hop até eletrônico, mas não toca sertanejo, no máximo Wesley Safadão.


“PERDOA-ME POR ME TRAÍRES”, do Grupo Novos Candangos
03, 04, 05 de novembro (21h)
06 de novembro(20h)
Teatro Plinio Marcos
Classificação: 16 anos
Ingressos:15,00 (meia entrada)

Os anfitriões da casa apresentarão uma adaptação dark-freak-trash e despojada do clássico de Nelson Rodrigues, que conta a história de Glorinha, objeto de desejo de seu tio Raul, que a criou desde criança após ter assassinado a mãe da menina. Conduzida por uma colega, a moça conhece e se fascina pelo mundo dos prostíbulos, ao mesmo tempo em que prepara uma terrível vingança contra o tio. A obra, montada pelo grupo em 2010, tem em sua concepção referências do musical “Rocky Horror Picture Show”, de Jim Sharman. Vingança, incesto, assassinato, ciúmes, psicologismos e repressão dos desejos pessoais são elementos que se encontram num universo onírico entre o real e o pesadelo através das personagens do espetáculo, lançando um olhar de estranhamento quanto à conduta humana.

Direção: Diego de Leon
Elenco: André Rodrigues, Diego de León, Josuel Junior, Luana Proença, Tuti, Mateus Ferrari, Rafael Toscano, Tati Ramos e Xiquito Maciel.
Produção: Guinada Produções (Guilherme Angelim)
Iluminação: Marcelo Augusto
Cenário e Figurino: Cyntia Karla

------------------------------------------

MOSTRA MONSTRA NA FUNARTE
Idealização: Grupo Novos Candangos e Guinada Produções
Produção: Guinada Produções (Guilherme Angelim)
Assessoria de Imprensa: Cia. Fábrica de Teatro